quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

Taizan - Liberdade

Continuando o tour gastronômico pelo bairro da Liberdade e para comemorar o Ano do Dragão, recentemente rolou uma reunião com amigos do colégio A.M. e F.H. decidi apresentá-los ao Restaurante Taizan, onde meus pais frequentavam na época de faculdade e que se tornou um dos meus restaurantes favoritos de São Paulo.

O restaurante tem uma história bem legal (que podemos encontrar no site). Começando pelo nome, Taizan, é uma montanha em que os chineses costumam fazer uma peregrinação para atingir seus objetivos com sucesso, foi fundado em 1970 pelo japonês Kaoru Yusa que veio ao Brasil em 1957. Após passar por restaurantes chineses, e fazer pesquisas ao redor do mundo para elaboração do cardápio, decidiu abrir seu próprio negócio no bairro da Liberdade. Após seu falcimento, sua esposa toma conta dos negócios desde então. A Sra. Fumiyo Yusa está sempre presente e costuma cumprimentar os clientes de mesa em mesa. Inclusive, nos recebeu com um "Feliz Ano Novo!" de abrir ainda mais o apetite!!!




Quando vamos em quatro, pedimos uma porção de Carne com Brócolis (R$59,00) e uma de Carne de Porco com Repolho no Alho e sempre acaba sobrando um pouco. Como estávamos em três, pedimos uma de Carne de Porco no Missô e uma de Arroz (gohan) e comemos quase tudo!!! =9

Repolho com alho e pimentão no missô. - R$49,00


Porção de arroz - R$15,00

E de quebra, os formigas pediram meia porção de Banana Caramelizada. =) A porção inteira vem 12 e sai por R$28,00. A meia porção sai R$16,80. Opções de banana, maçã e abacaxi. Cuidado na primeira mordida para não se queimar! Rs.


Rsrs. Bônus da noite, chá mágico dietético que a A.M. comprou. Porque depois do banquete, é bom maneirar e seguir a dieta, né? hahaha...



Um dos restaurantes que mais gosto em São Paulo, tanto pelo atendimento quanto pela comida. É um espaço agradável com 164 lugares e sempre vejo comemorações de noivado ou aniversário. É recomendável ir com bastante gente, pois, as porções são muito bem servidas! Não experimentei tantos pratos assim, mas os que sempre pedimos são os que me fazem voltar lá! =) Faz delivery em São Paulo, tem estacionamento com manobrista (R$6,00). Aceita cartões Master, Visa, Redeshop, American Express, Diners. Não aceita VR. Tem acesso para deficientes e internet wireless.

Maiores informações:

Rua Galvão Bueno, 544
Liberdade - São Paulo
Delivery e reservas: (11) 3277-8550 / (11) 3208-9498
Ter a sáb: 11h às 23h30
Dom e feriados: 11h às 22h
Fecha na segunda-feira!
Cardápio online aqui.

quarta-feira, 11 de janeiro de 2012

Karê (カレーライス) / Curry japonês II

E esse verão com chuva e frio, alguém explica? Depois de passar o dia inteiro com a roupa molhada debaixo de ar-condicionado no trabalho com dor de cabeça, é chegar em casa e fazer um Karê para esquentar até a alma! Ok... nem tanto porque o nível de ardência não é alto, porque eu gosto dessa marca "House Vermont" para crianças, que leva mel e maçã. =9 Notem o desenho na caixinha!!! ^^ E, só para constar, ficou extremamente caro por conta dos problemas de exportação do Japão! Func func...


Já comentei em outro post (aqui) sobre o prato e a receita pode variar à gosto de quem a prepara. A de hoje, será com o que tinha em casa, mas devo comentar que o Karê de Costela da tia é um dos campeões da minha lista! Bom, como não postei as fotos antes, apresento-lhes o roux de curry. Tabletes já com o tempero pronto. Super prático! O roux desta marca custa hoje R$12,00 ou R$13,90. Depende bastante do comércio, mas tem outras marcas bem mais baratas também. Atentem ou perguntem aos vendedores sobre o nível de ardência que costuma estar desenhado na caixinha. Geralmente de 0 a 5.

A caixa contém 2 pacotes. (12 tabletes)

Roux de curry japonês.


Ingredientes:

- Batatas em cubos
- Cenouras em cubos
- Cebola
- Frango em cubos
- Água quente
- Roux ou pó de curry

Modo de preparo:

Tudo pronto para começar? Não reparem na diferença do tamanho das batatas com as cenouras. No caso fiz uma cebola média, 2 cenouras pequenas e 5 batatas pequenas. Utilizei 4 filés de frango e cortei em cubos, se preferir, tempere o frango com um pouco de sal e pimenta.




Pique as cebolas e refogue até dourar. Quanto tenho tempo de sobra, deixo caramelizar bem e acrescento pedaços de tomate, deixo quase queimar para realçar o sabor. Refogue os cubos de frango e tempere à gosto.



Coloque os cubos de cenoura e batata e cubra-os com a água quente. Cozinhe até os legumes ficarem macios. Adicione um cubo de karê e dissolva bem, misturando sempre para não empelotar. Aqui, fica à gosto também de cada um.



Eu que prefiro um karê mais encorpado, geralmente utilizo de 2 a 3 cubinhos. Quem gosta mais de um ensopadão, com apenas 1 cubo quebra-se o galho. Aí é controlar com a quantidade de água, provar para corrigir o sabor e servir quentão.  Está entre as minhas comfort foods preferidas!!!

Gohan (arroz japonês) + Ovo acompanhando
para noites de frio!!! ^^

Foto bônus de hoje. Vista do quarto, com céu azul, verde e laranja. =) Nem parece que choveu, né???

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Liberdade - Rong He

Mais uma dica da série, onde comer no bairro da Liberdade. Ontem era dia de Lamen, mas por uma triste inconveniência o Kazu estava fechado! =( Mas isso não nos desanimou nem tirou nosso apetite de sair para comemorar!!!


O Rong He é famoso por sua massa caseira, pratos com preços acessíveis, fartos e bem típicos da culinária chinesa. Mas, o que atrai mesmo a clientela é o espetáculo que seu chef Yang apresenta ao fazer o macarrão na mão, de uma forma bem divertida e diferente. It's dinner and a show!!! 

Parentes que foram a Bejing trouxeram vídeos e fotos de restaurantes que também fazem de uma simples montagem de um bolinho, um espetáculo aberto no salão de jantar para o público poder apreciar.

Casa sempre cheia!!!

Um aviso é estar preparado para esperar um pouco para ser sentado. A lista de espera costuma ser um pouco longa. Cheguem e já avisem quantos lugares você quer, principalmente para os que vão em grupos grandes. Ontem, estávamos apenas em dois, fomos sentados na hora, mas, tivemos que dividir uma mesa grande com outras pessoas.

Janela para a cozinha. Nesse dia, não consegui
ver o chef fazendo o macarrão. =(

Pedimos um pão recheado com caldo e carne de massa fina. São 10 bolinhos cozidos no vapor com muito caldo. Aviso que é bem quente! Da primeira vez, demos uma mordida e todo o caldo ficou no prato, até o namorado decidir colocar o bolinho todo na boca. Olha, o prato parece totalmente outro! O sabor e o caldo explodem na boca, tornando a experiência muito melhor!!! Aconselhamos deixar um tempinho no prato antes. Fica a dica! =) O pão recheado com carne de massa grossa é o Bao Zi que comentei em um post anterior. Também muito bom e sai o mesmo preço por 10 unidades.

Muito caldo!!!


10 bolinhos de massa fina - R$18,00

Resolvemos experimentar um dos carros chefe da casa. Pedimos o yakisoba simples, que facilmente alimenta 4 pessoas com apetite normal. Rs. Nos surpreendemos com o sabor e qualidade da massa de macarrão, além de ser barato comparando os preços da região e pela quantidade de comida que nos serviram. =9 Recomendamos!!! O Yakisoba Especial vem com frutos do mar e sai por R$32,00.

Yakisoba - R$25,00

Outro prato bastante famoso é o macarrão apimentado com frutos do mar. O garçom logo pergunta se você quer o macarrão feito na máquina ou na mão. Se for na mão, fiquem espertos porque o chef irá fazer o show ao vivo da cozinha. (Veja o vídeo abaixo)

Outra especialidade da casa.
Macarrão apimentado com frutos do mar - R$28,00



Numa próxima vez, quero experimentar uma massa de panqueca fina com legumes refogados, omelete e missô doce. Em que você mesmo pega o recheio, passa o missô na massa e enrola a sua panqueca. Para comer com a mão!!! Nham nham! =9 

Aceita cartão de débito Maestro, Rede Shop, Visa Electron. Tem 104 lugares, mas é sempre cheio! Melhor chegar cedo. Não tenho certeza se fazem reservas. Faz entregas em domicílio. Possui estacionamento de R$10,00 válido por duas horas. Na Rua da Glória, 646 e 660.

Maiores informações:

Rua da Glória, 622A
Liberdade - SP
(11) 3207-1206 / (11) 3275-1986
Cardápio disponível no site.
Ter a sex: 11h30 às 15h00 e 18h às 22h30
Sáb e dom: 11h30 às 22h30 (sem intervalo)
Seg - Não funciona.


Feliz 1 ano!!!

E uma singela homenagem ao namorado que aguentou tanto durante esse 1 ano juntos! E pensar que tudo começou com um mochi (bolinho de arroz), heim? Tão pouco tempo, mas muita coisa aconteceu... espero que boas surpresas estejam nos aguardando lá na frente. Obrigada por ter a paciência em esperar para comer os pratos, para a tradicional foto do blog, por sugerir rolês gastronários e incentivar sempre esse e tantos outros projetos! Engordando juntos sempre, para depois ir correr no parque! Rs. Amour ~


terça-feira, 3 de janeiro de 2012

Torta Sacher

Está no sangue, só pode. Neste almoço de ano novo, papai decidiu fazer a Torta Sacher que sempre comemos nas idas ao Viena. Opinião sincera e sem puxa-saquismo? Ficou bem melhor!!! Rsrs. Mais suave e com chocolate na medida certa. Para uma próxima vez, dei a sugestão de substituir o chocolate  meio amargo pelo 70%... a se pensar no caso.


A receita foi tirada em um fórum do site Cybercook e transcrevo como consta na receita enviada pela autora Mimi Auguri. Adoramos a receita!!! =)

Ingredientes:

Massa:
- 300g de chocolate meio amargo picado
- 100g de chocolate ao leite picado
- 1 lata de creme de leite com soro
- 8 gemas grandes
- 200g de manteiga sem sal em temperatura ambiente
- 150g de açúcar
- 60g de cacau em pó peneirado
- 3 col. de sopa de conhaque
- 1 col. de café de bicarbonato de sódio
- 1 col. de café de essência de baunilha
- 1 col. de café de essência de rum
- 8 claras
- 50g de açúcar para o merengue

Modo de Preparo:

Derreter os chocolates com o creme de leite em banho maria ou no microondas. Mexer com fouet e reservar.

Pre aqueça o forno à 180ºC.

Na batedeira, colocar as gemas, manteiga e os 150g açúcar. Bater até que fique leve e esbranquiçado. Junte o cacau, a ganache de chocolate reservada, o conhaque, o bicarbonato e as essências e bata rapidamente. Bata as claras em neve e adicione os 50g de açúcar para o merengue. Envolva delicadamente o merengue na massa até que fique homogêneo. Reserve 300g da massa pronta e espalhe o restante em uma assadeira redonda de 25cm de diâmetro, untada e enfarinhada. Leve ao forno em banho maria (a água já deve estar quente!) e asse por aproximadamente 30 minutos.

Cobertura:
- 300g de massa reservada
- 100g de chocolate meio amargo picado
- 100 ml de creme de leite fresco

Coloque todos os ingredientes numa panela e leve ao fogo, mexendo sempre até obter um creme liso e brilhante. Empregue na montagem.

Torta do papai. Notem que os pingos
na cobertura foram meleca minha!!! haha...
Resumindo as comemorações de final de ano, frango com creme de milho da turma, Bolo da Mamãe pro pessoal e virada do ano com direito a shot de tequila! (>w<)º hahaha... Mesa farta no almoço casa da Batyan e muita azia no dia seguinte. Rs. E já antecipando comemorações, amanhã rola o aniversário de 1 ano com o tradicional Lamen da Dê e do Mit!!! =) Hoje, a noite é de risoto no vinho branco com filé de frango e um teco da torta do papai como sobremesa. E as promessas de perder os kilinhos ganhos nas festas de final de ano? Me liga semana que vem, combinado?! Rsrs.

Bolo da Mamãe

Repeteco de jantar

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Feira da Liberdade - Nikuman


Nikuman Chinamanjyu Bao Zi é típico da culinária chinesa que ficou super popular no Japão e pode ser encontrada em qualquer loja de conveniência (Combinis). Aqui também podemos encontrar em bandejas de 12 com recheios de carne de vaca, porco ou frango com legumes. É uma trouxinha com massa bem fofa e branca, cozido no vapor e recheado. O da feirinha é feito com uma massa levemente mais fina, que lembra bastante o gyoza. Quem quiser uma receita e experimentar em casa pode achar no blog do Pimatecomtomenta neste post aqui. =)


Mais uma dica de final de semana, people! A barraca da família Nakamura é bastante famosa por seu Gyoza Nikuman na feira de Liberdade. Fica bem no encontro da Estudantes com a Av. Liberdade. Ficou conhecida pelo seu tamanhão e recheio farto! =) Apesar de que achei que deram uma boa diminuída no tamanho, heim! Rsrs.


Já experimentei todos os sabores! O de Curry, ou Karê é bem gostoso para comer no friozinho! Levemente apimentado e bem temperado. O de carne de porco e de frango são meus preferidos.

Diversos sabores - R$ 4,00

Ainda não comi o gyoza de lá, vai ficar para uma próxima vez! Sempre que vou à liba aos domingos acabo não resistindo ao Takoyaki (bolinho de polvo) da feirinha! Outro dia, postarei sobre esse prato típico do Japão.


Diversos molhos para acompanhar, Su-Missô (Vinagre com pasta de soja), Agridoce e Shoyu com pimenta e cebolinha (não é ardido!). Acho que tinha vinagrete também!!! =)



Tinha também um acompanhamento gratuito lá, batatinhas cozidas, marinadas num molho de ervas. Quase um chimichurri. Muuuito delícia!!! =9 hahaha...


Maiores informações:



Feira da Liberdade
Praça Liberdade - Metrô Liberdade
Sábados e domingos
08h as 18h